Home / Dicas e Tutoriais / Todas as Novidades da Microsoft sobre o Windows 10
w10f

Todas as Novidades da Microsoft sobre o Windows 10

Foram semanas de especulações, mas hoje finalmente vieram as confirmações. A Microsoft promoveu um evento oficial nesta quarta-feira (21 de janeiro) para mostrar todas as novidades relacionadas ao Windows 10 e também sobre alguns detalhes de outros produtos da mesma empresa — incluindo um novo navegador e possibilidades incríveis para os apaixonados por games.

Terry Myerson, o chefe da divisão Windows, foi o primeiro a subir ao palco, revelando que os espectadores veriam a “Cortana” como nunca viram antes. Outra promessa era relacionada a “novos aparelhos incríveis” que seriam apresentados durante o evento. Foram mais de duas horas de evento, e você confere agora mesmo tudo o que aconteceu na demonstração.

Logo após a conferência, a desenvolvedora do sistema publicou em seu canal oficial um vídeo que resume muito bem as principais novidades do sistema em sua versão desktop.

Joe Belfiore, vice-presidente do Windows, revela no clipe que o sistema tem tudo para conquistar novos usuários e fidelizar aqueles que já estão acostumados com a plataforma — principalmente porque a atualização será gratuita para quem já tem o Windows 7, 8.1 e WP 8.1. Abaixo, vamos comentar algumas das tantas novidades do Windows 10.

 

 

Mudanças no Design

Em termos de visual, o novo produto da Microsoft não é algo construído totalmente do zero, sendo que a desenvolvedora aproveitou boa parte do que fez até agora para garantir a facilidade de uso aos consumidores. Contudo, o sistema tem algumas alterações sutis no design. São pequenos retoques que devem garantir uma experiência completa.

21185201520307

Em sua apresentação, ficou claro que os designers foram cobrados a atualizarem diversos ícones, fundos de tela, o Menu Iniciar e outros detalhes que deixam o sistema muito coerente. Apesar do capricho, o time do Windows aparentemente se esqueceu de mudar o ícone da lixeira, que ainda continua com aspecto tridimensional, mas isso deve mudar em breve.

O centro de notificações ficou bem mais elegante e funcional, mostrando diversas informações sobre os principais aplicativos (como chamadas perdidas do Skype, detalhes sobre alarmes e quais aplicativos foram instalados) e configurações do sistema (para facilitar o ajuste de brilho, alternar entre diferentes modos de uso e acessar redes sem fio).

Windows 10

O grande foco não foi uma surpresa: o Windows 10 era o grande protagonista, e Myerson já começou o evento falando sobre ele. Para o executivo, o novo sistema operacional vai ser familiar para 1,5 bilhão de pessoas, sendo que qualquer dispositivo poderá oferecer a mesma experiência para os consumidores — tanto para Windows de computadores quanto de tablets, de smartphones e até mesmo do Xbox One.

Uma das primeiras revelações foi o Menu Iniciar, que está de volta com um design bem interessante. A interface Windows 8 continua ali, mas apenas em uma divisão do menu que fez tanto sucesso durante mais de uma década — havendo como redimensionar rapidamente o espaço, que pode ser deixado em miniatura ou em tela cheia.

Como já havia sido mencionado anteriormente, o Windows 10 será um sistema operacional único para computadores, tablets e smartphones. Esta integração também deve ser vista na loja de aplicativos, que passa a ser a mesma para todos os dispositivos. Falando mais especificamente sobre o SO, a desenvolvedora revelou os pilares dele: mobilidade de experiência, confiança e interação natural.

A mobilidade da experiência significa que “deve ser fácil deixar um dispositivo na mesa e continuar o seu trabalho em outro lugar”. Confiança significa que os dados compartilhados não precisam de vigilância constante do consumidor, pois estão sob responsabilidade da empresa. Por fim, fator “interação” deve ser sempre natural entre os diversos aparelhos conectados.

Novos recursos

Joe Belfiore surgiu para falar sobre o Action Center do Windows 10. Como imaginado, ele funciona como uma barra de ações rápidas igual à vista em smartphones. Por ela, qualquer consumidor pode ativar conexões, modificar configurações e também ter acesso a notificações que são enviadas pelos aplicativos autorizados pelo próprio usuário.

Outra novidade está nas novas janelas de configurações, que unificaram os ajustes do Windows 8 com o Painel de Controle já visto há várias gerações — em uma integração que agradou bastante boa parte da imprensa internacional.

O Continuum também foi mostrado novamente, revelando como os modos de utilização do Windows 10 funcionam de maneira bem fluida. Com ele, computadores e tablets são facilmente convertidos durante a utilização, de acordo com os acessórios conectados, por exemplo: teclados e mouses ou outros periféricos.

Atualização facilitada e Gratuita para Usuários do Windows 7, 8 e 8.1

Hoje, muitos consumidores do Windows ainda utilizam versões antigas do sistema operacional, e isso significa que há muitos usuários ainda com o Windows XP. A Microsoft reconhece que isso é um problema também para os desenvolvedores, que precisam de códigos diferentes para um mesmo fim. Por isso, a desenvolvedora quer que os consumidores se integrem ao Windows 10 mais rapidamente.

Para incentivar essa atualização, a Microsoft promete que durante o primeiro ano de vigência do Windows 10, grande parte dos consumidores terá acesso grátis à atualização. Todos os que estão com computadores com o Windows 7 ou Windows 8 e também smartphones com o Windows Phone 8.1 terão esse benefício. Ainda foi prometido que o sistema terá suporte vitalício em todas as plataformas — enquanto durar o serviço.

Cortana multiplataforma

“Hey Cortana” – com essa frase é possível ativar a assistente pessoal tão esperada pelos donos de aparelhos com Windows Phone. Com a chegada do Windows 10, ela foi evoluída e trouxe muito mais possibilidades nos portáteis. Mas é preciso dizer que a Microsoft foi além e trouxe o recurso também para computadores com o sistema operacional produzido em Redmond.

Nas demonstrações do evento, foi possível perceber que a Cortana está muito mais natural do que outras assistentes, apresentando um conhecimento semântico muito inteligente. Ela fez comentários sobre as funcionalidades e até mesmo piadas sobre o time de futebol americano dos executivos da Microsoft.

Tudo o que é pesquisado e conversado com ela fica armazenado em um sistema chamado “Notebook”. E o melhor de tudo é que os consumidores podem escolher tudo o que fica registrado, garantindo mais controle de privacidade na utilização. Como você já deve imaginar, interagir com apps e compor textos também é possível com a Cortana.

Outra novidade da Cortana está na interação com o aplicativo Maps. Com isso, a Microsoft promete que será mais fácil encontrar endereços e direções nas mais diversas situações. Uma curiosidade: a assistente é capaz de encontrar carros em estacionamentos de shoppings e mercados. Segundo a desenvolvedora: “É como ter outro membro da família por perto”.

Windows 10 nos portáteis

Você já sabe que o Windows 10 também chegará a smartphones e tablets. Belfiore começou suas demonstrações disso dizendo que a nova versão do sistema operacional está sendo adaptada a novos formatos. Uma grata surpresa foi a demonstração dos Tiles do sistema operacional sendo mostrados acima de um papel de parede, não formando uma estrutura tão fria quanto a que era vista no Windows Phone.

Quando o Menu Iniciar é aberto, estes planos de fundo continuam visíveis. Isso acontece por causa das estruturas mais transparentes de demonstração dos apps e documentos armazenados no dispositivo. Graças à sincronização entre aparelhos, as notificações do Action Center são mostradas nos computadores e smartphones de maneira unificada. Dispensá-las em um aparelho resulta na dispensa automática em outro.

Uma novidade muito interessante está na nova janela de configurações do Windows 10 para portáteis. Ela está muito mais organizada, não ocupando uma área maior do que a necessária para mostrar as possibilidades aos consumidores.

Facilidades de uso

Assim como acontece em outros sistemas portáteis, agora é possível responder a mensagens sem precisar abrir um app exclusivo. Isso significa que qualquer usuário pode enviar mensagens pela própria notificação — agilizando bastante o processo de comunicação com seus contatos. Por falar em mensagens, o novo app pode integrar as contas do Skype com bastante dinamismo.

A Microsoft também mostrou alguns aplicativos que serão universais. Isso significa que há várias opções que poderão ser usadas em qualquer aparelho, como o Office, da mesma desenvolvedora. Belfiore revelou algumas diferenças visuais entre as versões, mas deixou claro que a estrutura de funcionamento é a mesma em qualquer aparelho — no evento, ele realizou uma demonstração bem impressionante do PowerPoint e também do Outlook.

O executivo da Microsoft prosseguiu revelando que os apps universais têm o “mesmo código” em qualquer plataforma. Logo em seguida, ele aproveitou para mostrar as novidades de outros apps com a mesma característica, como o Calendar e o Photos. Este último ainda teve uma série de recursos mencionados, incluindo o sistema de coleções que identifica duplicatas, um editor rápido e a sincronização com o OneDrive.

Como computadores e portáteis são sincronizados, também poderemos gerenciar e criar álbuns de uma maneira muito mais complexa. O sistema pode identificar uma série de padrões para criar coleções automaticamente, mas também é possível fazer todo esse processo manualmente. Vale mencionar que a Microsoft está investindo nas nuvens, pois tudo isso pode ser sincronizado pelo OneDrive.

Apps melhores

Um grave “defeito” do atual sistema da Microsoft é a bagunça entre apps modernos (geralmente para tablets e smartphones) e os demais voltados para a interface desktop. Pensando em resolver a situação de uma vez por todas, a companhia resolver criar apps universais para o Windows 10.

Basicamente, isso quer dizer que os novos programas da Microsoft — a começar pelo Outlook — terão interfaces similares, algo que deve deixar tudo ainda mais intuitivo e homogêneo. Com seu novo cliente de mensagens, a Microsoft dá um passo adiante, trazendo algumas ferramentas do Word (para formatação, correção e estilos), mas outros apps devem receber apenas mudanças visuais.

Na apresentação de hoje, a Microsoft mostrou brevemente apps de fotos (que inclusive faz retoques automáticos e organizar itens duplicados) e calendário com designs repaginados. O OneDrive também ganha novidades, ficando ainda mais inteligente principalmente quanto à exibição de fotografias. Junto com esses softwares, o Windows 10 deve trazer mais mudanças nos programas que vêm instalados por padrão (Música, Mapas e outros).

Projeto Spartan: o adeus ao IE

Decretando o fim do Internet Explorer, a Microsoft apresentou o Spartan. Belfiore descreve o novo navegador como “uma nova experiência de navegação para o Windows 10”, prometendo que ele vai trazer também um novo motor de renderização para dar mais velocidade e fluidez à internet. A desenvolvedora informou que o Spartan ofereceria três recursos principais para os consumidores de todo o mundo.

O primeiro dos recursos é o “note-talking”. Ele permite que os usuários marquem, comentem e façam anotações relacionadas às páginas em qualquer plataforma, compartilhando tudo rapidamente logo em seguida. Apesar de isso ser um grande recurso para os donos de tablets e smartphones, vale dizer que computadores também vão receber a novidade com todas as suas funcionalidades.

Em seguida, Belfiore mostrou o “Reading Mode”, que transforma as páginas da internet em “páginas de livro”, facilitando a visualização e garantindo menos poluição visual para quem precisa de mais atenção nas leituras online. Também há a possibilidade criar listas de leitura integradas entre as plataformas. Ou seja, você poderá marcar um texto no PC e ler em outro momento no seu tablet.

Por fim, a integração com a Cortana permite muito mais facilidade na navegação. Basta fazer rápidas pesquisas na Barra de buscas para que a assistente pessoal mostre uma série de resultados que vão muito além do motor de pesquisas. É possível ter acesso rápido a direções, preços de passagens, reservas de restaurantes e muito mais. Um detalhe: ainda não há extensões no browser.

Quando Poderemos Baixar?

Se você quer saber quando será possível instalar novas versões do Windows 10, Myerson deu a resposta. O executivo disse que Insiders receberão a próxima Build já na semana que vem, e a primeira Build para smartphones chegará em duas semanas, “assim que o Seattle Seahawks — time do qual Paul Allen é dono — vencer o Super Bowl”, brincou.

Também no Xbox One

Depois de falar sobre apps universais, Belfiore chamou Phil Spencer (líder do Xbox) para o palco, onde ele falou sobre games. Ele começou dizendo que os jogos eletrônicos são o que há de mais pessoal no entretenimento, revelando também que no Windows 10 os games serão muito mais sociais e interativos — integrando diversas funcionalidades do sistema operacional diretamente nos consoles.

 

Uma das grandes novidades foi o Xbox App para o Windows 10. Pelo computador ou pelo portátil, os consumidores podem ter acesso às listas de jogos, amigos e mensagens que são trocadas no console. Há também um novo “Feed de atividades”, no qual ficam concentrados todos os seus passos nos jogos. Como em uma rede social, é possível compartilhar vídeos e fotos das partidas neste mesmo feed.

Spencer aproveitou também para revelar novidades integradas ao Steam. Por meio de comandos muito simples, qualquer usuário pode fazer as capturas de vídeos e imagens dos games executados no computador, fazendo com que os resultados sejam compartilhados no app do Xbox — em uma integração bem interessante e sem costuras entre as duas plataformas.

DirectX 12

Outro assunto abordado por Phil Spencer foi o DirectX 12. Com a novidade, a Microsoft promete dar muito mais controle de GPU e CPU para os desenvolvedores de games, garantindo uma performance até 50% melhor quando os códigos forem otimizados. E o melhor de tudo é que o consumo de energia também pode ser reduzido com o novo DirectX — o que é ideal para os donos de portáteis.

Indo ainda além, também foi revelado que uma série de jogos terá suporte multiplataformas, podendo ser jogados em dois dispositivos diferentes. Isso mesmo: uma partida multiplayer pode ser disputada entre um PC e um Xbox. Para finalizar, Spencer disse que o Windows 10 será capaz de fazer o streaming de games do Xbox One em computadores e tablets — lembrando que é preciso ter os dois aparelhos para isso.

Para quem estava se perguntando sobre a possibilidade de instalar o Windows 10 diretamente nos consoles, Spencer revelou que isso será possível para “desenvolvedores que planejam levar seus aplicativos para as telas grandes dos televisores de uma maneira mais simples”.

Microsoft Surface Hub

Para quem gosta de telas grandes e ambientes corporativos, a desenvolvedora apresentou o Microsoft Surface Hub — que seria uma “evolução da mesa Surface e do Perceptive Pixel”. Trata-se de uma grande tela utilizada para conferências e demonstrações em empresas, sendo um “quadro branco futurista” e com funções avançadas.

 

São 84 polegadas e resolução 4K, permitindo controle por meio de toques na tela em diversos pontos simultâneos, sendo que isso vale também para a utilização de canetas especiais. Prometendo que não há lags ou travamentos, a Microsoft também confirmou a presença de sensores avançados, microfones e duas câmeras no Surface Hub.

Sendo “projetado para o espaço de trabalho moderno”, o equipamento foi demonstrado como um grande aparelho de modelagem 3D e também foi usado para uma videoconferência com demonstrações de slides. Por fim, os executivos da Microsoft mostraram que é possível integrar o Hub a outros aparelhos, o que permite o controle da tela por smartphones, tablets ou mesmo computadores.

Windows holográfico…

Alex Kipman — que é um dos grandes responsáveis pela criação do Kinect — chegou ao palco falando sobre o quanto a tecnologia avançou e começou a ser integrada à vida das pessoas. Ele seguiu nesse discurso até revelar o “próximo grande passo” da tecnologia: hologramas fazendo parte do cotidiano. Isso mesmo! Ele falou sobre o dia em que o Windows será holográfico.

 

Isso ainda não significa que vamos ter imagens projetadas em nossas casas, mas sim que é possível usar um aparelho conectado à cabeça para fazer com que as projeções sejam emuladas em lentes especiais. É uma grande mistura entre realidade aumentada, óculos de realidade virtual e hologramas. Kipman disse que as APIs para o desenvolvimento desse tipo de hologramas estarão disponíveis para as builds do Windows 10 ainda neste ano.

Microsoft HoloLens

Apesar de poucos imaginarem que algo físico seria mostrado, Alex Kipman revelou o “primeiro computador holográfico” do mundo. Trata-se do Microsoft HoloLens, que possui lentes holográficas de alta definição semitransparentes para permitir que os usuários vejam as imagens projetadas em ambientes comuns.

Ele também usa sensores avançados para interagir com os ambientes e apresenta um sistema de som totalmente espacial — “para hologramas sonoros”, que tornam a experiência muito mais imersiva do que o resultado já obtido por qualquer outro óculos de realidade aumentada. Não são necessários computadores ou portáteis, pois o HoloLens funciona de uma maneira totalmente autônoma e nativa.

Outra novidade que a Microsoft anunciou foi o HoloStudio. Trata-se de uma aplicação completamente voltada para o HoloLens, permitindo que os consumidores criem modelos tridimensionais completos por meio do próprio equipamento. Graças aos sensores, tudo isso se torna “quase tátil”, permitindo que gestos sejam interpretados com bastante precisão.

Depois de criar os modelos desejados, a Microsoft promete que será possível enviar os resultados diretamente para impressoras 3D, permitindo que o holográfico se torne concreto em pouco tempo. Finalizando a apresentação dos hologramas, Kipman revelou quem é a grande parceira da Microsoft no projeto: nada menos do que a Agência Espacial Norte-Americana, a NASA.

…..

O CEO da Microsoft, Satya Nadella, também subiu ao palco para fazer um breve resumo de tudo o que foi falado no evento. Ele disse que era um grande dia para o Windows e para o que isso significa aos consumidores, parceiros e também para a companhia de Redmond. Nadella aproveitou para falar da sensibilidade da empresa, mencionando algumas impressões de cada uma das novidades apresentadas.

Para finalizar, Nadella revelou que a Microsoft está trabalhando duro para trazer um fluxo contínuo de inovação para os consumidores. O CEO falou sobre as grandes mudanças do Windows, que hoje é calcado em três pilares principais: serviço, mobilidade e capacidade multiplataformas. Agora, nos resta esperar para ver como será tudo isso na prática. As expectativas são grandes.

Fonte(s)

Share

About cleuberadmin

Cleuber Silva Hashimoto. Administrador

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*

x

Check Also

eos15b

Review Elementary OS 0.4 Loki

Olá pessoal, Depois de aguardar ansiosamente ...